Saque de FGTS será liberado em contas digitais da Caixa até R$1.045

Anúncios

O Saque de FGTS será liberado em contas digitais da Caixa no valor de até R$1.045. Segundo o banco, os beneficiários vão ter que esperar alguns dias após o depósito para retirar o valor em espécie.

A Caixa Econômica Federal confirmou que os trabalhadores com direito ao saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) vão receber em contas digitais da Caixa. Segundo o banco, os beneficiários vão ter que esperar alguns dias após o depósito para retirar o valor em espécie.

Até o saque, o trabalhador poderá utilizar o valor pagamentos e compras com débito virtual. O saque emergencial do FGTS foi liberado através de medida provisória (MP) e vai começar a ser liberado em 15 de junho. Os pagamentos, que chegarão a até R$1.045, serão feitos até 31 de dezembro de 2020.

Anúncios

De acordo com o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, o método de liberar o saque em espécie dias após liberação na conta evita aglomerações e filas em agências.

Calendário de saques do FGTS de até R$1.045

O cronograma com datas de saques do FGTS também vai ter como referência o mês de nascimento do trabalhador. A expectativa é que se tenha um espaçamento maior no cronograma dos repasses.

Quem poderá sacar no FGTS?

Qualquer pessoa que tiver conta, ativa ou inativa.

Qual o valor de saque será liberado?

Até R$ 1.045 por trabalhador, o equivalente a 1 salário mínimo em 2020.

Já existe um calendário de saques? Quando posso sacar?

O calendário oficial do FGTS de R$1.045 ainda não foi divulgado. O cronograma ainda não foi liberado. Segundo o texto da medida provisória, caberá à Caixa Econômica Federal definir os critérios e o cronograma dos novos saques. Segundo o banco, a dinâmica vai ser a mesma das demais liberações do FGTS: os saques serão feitos de acordo com o mês de nascimento do trabalhador.

Quem tiver mais de uma conta do FGTS poderá retirar mais?

A resposta é não. Essa modalidade de saques é diferente a do saque imediato, que se iniciou em 2019. O total liberado agora é pelo total de contas. Ninguém poderá tirar mais de R$ 1.045, ainda que tenha duas ou três contas com valores superiores a essa quantia.

Qual a quantidade de trabalhadores que poderão sacar todo seu recurso?

Anúncios

Segundo o governo, cerca 30,7 milhões de trabalhadores vão poder sacar todo seu recurso no FGTS (50,5% do total). Até 80% das contas serão zeradas com o saque; R$ 16 bilhões serão liberados para 45,5 milhões de trabalhadores que têm até 5 salários mínimos de saldo no FGTS.

Compartilhar

Deixe um comentário